Estou grávida! E agora?

Algumas mulheres conhecem muito bem o seu corpo e sabem perfeitamente quando alguma coisa está errada, outras nem tanto. E quando decidem confirmar as suspeitas, ganham um baita susto quando aparecem dois “palitinhos” dando o sinal de positivo. Para muitos é um grande momento, de comemoração e muita empolgação, para outros é um tormento, cada segundo vira um milhão de anos e a cabeça parece que não se encaixa mais no corpo. Tudo parece estar fora do lugar.

Pensando nisso, reuni algumas dicas de primeiras providências a se tomar quando se descobre que está grávida.

Teste-de-gravidez

  1. Chore, mas acalme-se…

Você acabou de receber a notícia que vai mudar toda a sua vida, então é perfeitamente normal que você entre em estado de choque, há muito que processar e talvez você não esteja – ou não se sinta – preparada. Mas depois que o pânico passar, acalme-se! Isso é fundamental, principalmente para a sua saúde e a saúde do bebê.

  1. Perceba como está lidando com a situação.

Não faz muito sentido perguntar para alguém que não estava planejando engravidar se ela “está preparada para o que está por vir”. É claro que a resposta será um alto e sonoro “não”, Por isso é muito importante que a própria mulher tome ciência da mudança que acontecerá, não só em seu corpo, mas em sua mente e coração. E para isso, leve o tempo que for preciso, perceba se você já consegue se “visualizar mãe”, por que é preciso que você se sinta mãe, desde o princípio. Para que possa decidir seguir para o próximo passo.

  1. Decida se vai seguir em frente com essa gravidez.

Não estou fazendo apologia ao aborto, sou 100% a favor do nascimento de uma criança, – seja em quais circunstâncias forem, mas – porém, contudo, todavia – essa decisão é exclusivamente pessoal. Só a mãe e apenas ela pode decidir se seu filho nascerá ou não, essa decisão não cabe a mais ninguém, nem ao pai, nem a avó, a ninguém mais.

Nunca se esqueça: “Seu corpo, suas regras”. E ninguém, além de você tem poder sobre ele.

  1. Decida para quem vai contar primeiro.

Independente de qual decisão tomar decida com quem vai compartilhar a notícia primeiro, para sua mãe, seu parceiro, uma amiga. O importante é contar para alguém de confiança e desabafar. Nos primeiros dias ficamos muito sensíveis, então se precisar de um ombro amigo para chorar, não tenha medo, procure a pessoa que mais confia e converse com ela, sobre seus medos e expectativas com relação a esta novidade.

  1. Marque uma consulta.

Passado o pânico e decisão tomada, é hora de cuidar de sua cria. Marque uma consulta com seu ginecologista e peça encaminhamento a um obstetra, para que você possa começar os exames de rotina para saber se está tudo bem com você e com o bebê.

  1. Se visualize mãe, daqui há 9 meses.

Por último e não menos importante, se visualize mãe! Isso é fundamental para começar a criar um laço com a sua nova realidade. A partir de agora seu corpo mudará e sua mente sofrerá muitas transformações também. Tudo será uma grande novidade e é importante que você visualize sua nova realidade e principalmente aceite-a.

Essas foram algumas dicas de como agir quando se descobre que está grávida. Acha que faltou alguma? Conta pra gente! E nos conte também como você reagiu quando descobriu que seria mamãe.

Follow my blog with Bloglovin

Gostou do post? Curta e compartilhe nas redes sociais.

Anúncios

4 comentários sobre “Estou grávida! E agora?

  1. Amei a 3.
    Finalmente alguém que concorda comigo! hahaha
    Acham um absurdo quando eu falo isso, e eu digo que eu mesma, não faria um aborto, mas a escolha é pessoal e não devemos julgar ninguém por isso.
    Acho que eu se tivesse grávida ia pular de felicidade (e meu amor tbm) nós amaaamos bbs e a ideia de ter filhos (mesmo eu não querendo no momento) seria muito bem-vindo ❤
    O post ficou tão bonitinho! rs
    Beijo

    http://www.espelhodabia.com.br

    Curtido por 1 pessoa

    • Temos de saber respeitar a opinião alheia não é?
      Eu fico bem chateada quando digo que sou contra o aborto e quase sou apedrejada em praça pública. Sou contra por motivos pessoais e assim como respeito a decisão de quem opta por fazê-lo, gostaria que respeitassem a minha.
      Boa sorte ao casal e que o baby venha na hora certa 😉

      Obrigada flor!
      Beijos

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s